O Linux vai bem no Banco do Brasil

A notícia é conhecida e já foi muito discutida nos blogs especializados em Linux. Hoje tive a satisfação de poder ver com meus próprios olhos que o Linux vai muito bem no Banco do Brasil.

O governo mineiro após pesquisa, resolveu acabar com o monopólio do pagamento do funcionalismo público do Estado através do Banco Itaú. Foi feita uma pesquisa de mercado no qual o Banco do Brasil foi o que ofereceu os melhores planos e tarifas para os novos correntistas.

Hoje fui ao banco ativar minha conta corrente. Chegando a agência fui rapidamente atendido, não precisando enfrentar longas filas. Confesso que não gosto de encarar filas em bancos. Enquanto ativava a minha conta, fui questionando a atendente e sanando as minhas dúvidas quando repentinamente observei que o ambiente no qual ela trabalhava no PC era o KDE.

Não teve jeito, parei minhas perguntas sobre a conta, cartões, mudanças em geral e fui logo questionando se aquele sistema era realmente Linux. Surpresa pela pergunta ela disse que sim, que era Linux. Daí não resisti, comecei a disparar algumas perguntas, as quais foram respondidas com muita naturalidade. Fiquei espantado com a tranquilidade daquela jovem em dizer sobre o Linux. Não fiz perguntas técnicas, especialmente porque ela usava aplicações específicas da instituição, mas quando argui sobre as dificuldades enfrentadas e coisas nesse sentido, a resposta me surpreendeu. Ela disse que após a mudança ficou bem melhor de operar as máquinas. O sistema é bem mais rápido e apresenta-se 100% estável. Segundo ela, jamais houve algum problema de travamentos ou coisas nesse sentido. Fiquei bastante satisfeito com seus argumentos em relação do Linux. Mesmo tendo sido uma entrevista rápida, notei que não houve nenhum tipo de resistência e nem mesmo rejeição. A única colocação que ela fez foi devido a mudança repentina. Não houve tempo para treinamentos mais específicos e apesar da mudança, os funcionários assimilaram com muita tranquilidade a utilização da nova plataforma.

Não pude constatar qual a distribuição usada na máquina e naturalmente, não pedi para verificar especialmente porque isso seria um tanto quanto indiscreto de minha parte.

Enfim, para um banco que eu nunca simpatizei por questões particulares, ao menos hoje já posso pontuá-lo positivamente, pelo menos em relação a utilização do software livre.

Anúncios

Um comentário sobre “O Linux vai bem no Banco do Brasil

  1. Duda Nogueira 5 de dezembro de 2007 / 17:09

    Ae!

    Rolou a mesma coisa comigo com o meu gerente do BB lá em Minas.

    O meu gerente tá gostando tanto do linux que comprou 1 celular com linux e foi até lá em casa pra instalar o linux no laptop dele!

    Baum demais, sô!

    Abraços!

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s