Banda larga para todos

De acordo com o Atlas Brasileiro de Telecomunicações 2007, apenas 1900 cidade brasileiras possuem acesso através de banda larga, as outras 3600 estão excluídas do acesso rápido à internet.

Isso pode mudar em breve. O Decreto 4769 assinado em 2004 pelo presidente Lula, obriga as concessionárias de telefonia criarem os Postos de Serviço de Telecomunicações (PST) em todos os municípios brasileiros. Pela lei que vigora atualmente, um PST deveria ser um centro de uso coletivo, cuja manutenção deve ficar a cargo da empresa telefônica concessionária do serviço de telecomunicação. É um posto público, onde deve haver orelhões, computadores com acesso à internet discada e fax.

Desde 2003, o texto do decreto já foi revisto algumas vezes. A última delas em julho deste ano. Naquela ocasião, ficou estabelecido que os PSTs deveriam entrar em funcionamento em janeiro de 2007. Com a nova redação de julho, as companhias telefônicas ganharam mais um ano para pôr a medida em prática. Agora, o governo quer rever outra vez o decreto, para garantir que os PSTs ofereçam, também, um ponto de conexão de banda larga.

Além de um local público com quatro telefones, orelhões, com terminais de computadores, e mais um fax, o serviço contará com banda larga nas cidades. Segundo o acessor do Gabinete da Presidência da República, José Luiz Maio Aquino, é uma forma das empresas de telefonia disponibilizarem banda larga em todas as cidades brasileiras.

Fonte: Terra Tecnologia

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s